top of page
BLOG (2).png

TUDO SOBRE LEILÕES JUDICIAIS

Nosso blog tem como objetivo elucidar suas dúvidas sobre como participar de leilões de forma segura, transparente e ágil. Criaremos conteúdos exclusivos com dicas, informações, passo-a passos e as novidades sobre o mercado de leilões.

  • Foto do escritorRafael Sapka

Mansão do ex-banqueiro Edemar Cid Ferreira, leiloada pela D1LANCE, será demolida

Localizada no luxuoso bairro Morumbi em São Paulo, a mansão dará espaço a um complexo de edifícios residenciais após ter sido adquirida em leilão pelo bilionário Janguiê Diniz.

Mansão do ex-banqueiro Edemar Cid Ferreira

Ainda sem data definida para a demolição, a antiga residência do ex-banqueiro Edemar Cid Ferreira, que fica localizada em São Paulo, no bairro Morumbi, um dos bairros mais luxuosos da capital Paulista. O imóvel abrange incríveis oito mil metros quadrados de área construída, que está designada a se tornar um complexo de edifícios residenciais, de acordo com informações divulgadas pelo colunista Lauro Jardim, do O Globo.

A impressionante construção pertence ao bilionário Janguiê Diniz, dono do Grupo Ser Educacional, foi arrematada em um leilão judicial por R$ 27,5 milhões. O valioso imóvel conta com cinco andares, pé direito de nove metros, heliponto, adega com capacidade para cinco mil garrafas e também um gerador de energia, com a capacidade para abastecer uma cidade com aproximadamente 20 mil habitantes.

Mansão do ex-banqueiro Edemar Cid Ferreira, leiloada pela D1LANCE.

O que levou a mansão a ser leiloada?

O escândalo financeiro envolvendo o ex-banqueiro Edemar Cid Ferreira ficou conhecido como o caso do Banco Santos. Durante seu tempo no comando do banco, Edemar acumulou poder e influência no setor financeiro.

No início dos anos 2000, foram descobertas diversas fraudes e irregularidades no Banco Santos, resultando em um déficit financeiro significativo, estimado em bilhões de reais. Edemar realizou operações financeiras questionáveis, como empréstimos não autorizados, desvio de recursos e manipulação contábil para esconder as perdas financeiras do banco.

Em 2004, devido à grave situação financeira do Banco Santos, o Banco Central do Brasil decidiu intervir na instituição e tomar o controle das operações. Edemar foi afastado do comando e enfrentou processos judiciais por crimes como gestão fraudulenta, lavagem de dinheiro e outros delitos financeiros. Seus bens, incluindo a mansão mencionada anteriormente e sua coleção de artes, foram confiscados e leiloados para ressarcir parte das dívidas dele. Edemar foi condenado a 21 anos de prisão e passou um período detido de três meses, mas posteriormente obteve progressão de pena e foi colocado em prisão domiciliar.

O caso do Banco Santos é considerado um dos maiores escândalos financeiros do Brasil, com impacto significativo no sistema financeiro e na confiança dos investidores, destacando a necessidade de regulamentação e supervisão mais rigorosas no setor bancário.

A vida atual do ex-banqueiro em contraste com sua opulência passada

Edemar Cid Ferreira, cujo nome foi destaque nos jornais econômicos e policiais em 2005, quando o Banco Central decretou a falência do Banco Santos, atualmente vive uma vida que contrasta fortemente com seu passado opulento.

Em uma reviravolta dramática dos acontecimentos, o ex-banqueiro agora reside em um modesto apartamento alugado de 300 metros quadrados em São Paulo e afirma levar uma vida "austera", não possuindo mais nenhum bem físico em seu nome e dependendo do apoio financeiro de seus três filhos.

A saga da mansão: despejo, tentativas de leilão e a aquisição final

Em 2011, após ser despejado, Ferreira deixou a mansão levando consigo apenas um pijama. Apesar das várias tentativas fracassadas de leiloar a propriedade para pagar as dívidas do banco falido, ela finalmente foi adquirida por Diniz em 2019 em um leilão judicial.

O fim de uma era: aguardando a demolição da icônica mansão em São Paulo

Mesa feita em mogno, importada da Inglaterra e com capacidade para 20 convidados..
A mesa feita em mogno de R$ 100 mil que foi importada da Inglaterra possui capacidade para 20 convidados.

Ainda não há informações sobre a data exata em que a grandiosa mansão será demolida, mas, sem dúvidas, isso marca o fim de uma era e serve como um lembrete da ascensão e queda de um dos homens mais ricos do Brasil.

Confira algumas curiosidades sobre a imponente mansão:

  • Obras de artes icônicas: A coleção de arte de Edemar Cid Ferreira era conhecida por suas peças valiosas e importantes. Entre as obras mais destacadas estavam quadros de pintores famosos, esculturas e artefatos históricos.

  • Galeria subterrânea: Uma das curiosidades da mansão é a presença de uma galeria subterrânea. Esse espaço era utilizado para armazenar e exibir parte da coleção de arte, proporcionando um ambiente controlado e seguro para as obras que são avaliadas em milhões de dólares.

  • Ceia extravagante: Dentre as curiosidades deste imóvel, destacam-se uma mesa de 24 lugares feita em mogno, datada do século XIX e proveniente da Inglaterra, avaliada em mais de R$ 100 mil. Além disso, a parede da sala de jantar é revestida em ouro, proporcionando um ambiente luxuoso e sofisticado.

  • Acessibilidade: Outro destaque é a presença de um elevador exclusivo para transportar comida até os quartos no segundo pavimento, agregando praticidade e comodidade à mansão.

  • Cenário de novela: O local foi palco de uma cena protagonizada por Paolla Oliveira na minissérie Felizes Para Sempre da Rede Globo.

  • Grande número de funcionários: Por ser muito vasta, a mansão contava com aproximadamente 55 colaboradores distribuídos em diversos setores.

  • Localização privilegiada: A mansão está situada em uma área nobre da cidade de São Paulo, em um dos bairros mais exclusivos. Essa localização privilegiada proporciona privacidade e uma vista deslumbrante da cidade.

  • Influência arquitetônica japonesa: O arquiteto Ruy Ohtake, responsável pelo projeto da mansão, possui influência da arquitetura japonesa em seu estilo. Isso pode ser observado na escolha das curvas e na integração entre os espaços internos e externos.

  • Domo de milhões: O teto da construção foi desenhado pelo artista plástico e paisagista brasileiro Burle Markx, conhecido por ter criado o famoso e icônico Calçadão de Copacabana.

  • Patrimônio histórico: A mansão de Edemar Cid Ferreira é considerada um patrimônio histórico e cultural devido à sua importância arquitetônica e à presença da vasta coleção de arte.

Essas são apenas algumas curiosidades sobre a Mansão de Edemar Cid Ferreira. Vale ressaltar que a situação atual da mansão pode ter mudado ao longo dos anos, devido aos eventos relacionados aos escândalos financeiros.

1.163 visualizações3 comentários

Posts recentes

Ver tudo

3 commentaires

Noté 0 étoile sur 5.
Pas encore de note

Ajouter une note
Invité
13 déc. 2023

A foto da sala de jantar lembra algo que saiu do filme Scarface...no final, faltou munição.

J'aime

Invité
30 mai 2023

modesto ap de 300 m2 ? como assim?

J'aime

Invité
24 mai 2023
Noté 5 étoiles sur 5.

Top!!!

J'aime
bottom of page