• Brenno Zanardo

Custos em Arrematação Judicial de Imóveis

Adquirir um imóvel em leilão judicial tem como principais vantagens a segurança e o preço. Alguns imóveis podem ser adquiridos por valores 60% mais baixos, comparando com valores de mercado. É importante, no entanto, prestar atenção em algumas questões antes da arrematação, principalmente com relação aos custos.


Custos Leilão

Assim como em uma compra e venda tradicional no mercado imobiliário, em leilão judicial, quem arrematar terá custos além do valor do lance para regularização e transferência do bem. Abaixo elencaremos alguns custos obrigatórios:


  • Comissão do leiloeiro: Consulte sempre o edital do leilão para ver a porcentagem – normalmente é 5% do valor do lance;

  • ITBI: Imposto Municipal para transferência do imóvel. A alíquota varia de acordo com a cidade – normalmente 2-5% do lance ou valor venal (o que for maior);

  • Taxa expedição da Carta de Arrematação: Uma taxa judicial cobrada para o cartório elaborar a Carta de Arrematação – normalmente em torno de R$ 50,00;

  • Oficial de Justiça (Imissão na Posse): Caso seja necessária a diligência de um Oficial de Justiça para o arrematante tomar posse do imóvel, é necessário pagar outra taxa judicial – normalmente em torno de R$ 80,00;

  • Registro: O custo do registro com valor declarado na matrícula varia de acordo com o valor da arrematação. Clique aqui e consulte tabela; e

  • Certidões (matrícula, firmas, etc): Custos para expedição de certidão, reconhecimento de firma, autenticações e outros custos cartoriais – normalmente em torno de R$ 300,00.


Existem outros custos que não estão diretamente relacionados ao procedimento do leilão, mas seu planejamento é de grande importância para não ser pego de surpresa lá na frente.

  • Advogado: fundamental para defender seus direitos no processo e agilizar os trâmites;

  • Provisão de condomínio e IPTU – o tempo entre a arrematação e a posse do arrematante deve ser provisionado, em média 3–5 meses; e

  • Reformas: Tanto quem compra para investir ou como usuário final, reserve um pouco de dinheiro para deixar o imóvel com boas condições de uso e venda.

Para facilitar a sua vida e fazer com que sua arrematação seja mais assertiva, nós criamos uma calculadora automática de custos em arrematação de imóveis em leilão judicial.

Basta clicar aqui, baixar a planilha e fazer os cálculos..


Conte com a equipe da D1 para auxiliá–lo em todas as etapas da arrematação.

contato@d1lance.com

+55 11 3101 9851

+55 11 3101 9851 (Whatsapp)

2,751 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

O Blog D1LANCE tem como objetivo elucidar suas dúvidas sobre como participar de leilões de forma segura, transparante e ágil. Criaremos conteúdos exclusivos com dicas, informações, passo-a-passos e as novidades sobre o mercado de leilões.

TUDO SOBRE LEILÕES JUDICIAIS